Back to search
Publication

Cobertura do exame de contatos de hanseníase em município endêmico de Mato Grosso, Brasil

Abstract
O objetivo do estudo foi analisar a proporção de contatos examinados e não-examinados de casos novos de hanseníase segundo registro em prontuários e Sistema de Informação de Agravos de Notificação (Sinan) e a relação com variáveis relativas aos contatos, casos novos e tipo de serviço de saúde em Cáceres -Mato Grosso. Trata-se de estudo transversal com dados de prontuários e do SINAN relativos aos contatos registrados e examinados no período de 2013 e 2014. As comparações de proporções foram obtidas por meio do teste Qui-quadrado ao nível de significância de 5%. Foram analisados registros de contatos de 87 casos novos. Observou-se maior proporção de contatos examinados segundo o SINAN (77,33%), quando comparados aos registros em prontuários (62,46%). Verificou-se maiores proporções de contatos examinados de casos multibacilares (75,14%) e em tratamento em unidades básicas (72,64%). Não foram observadas diferenças nas proporções de contatos examinados segundo sexo e faixa etária dos mesmos. Ações de vigilância de contatos de hanseníase têm sido pouco valorizadas em Cáceres-MT de acordo com a baixa cobertura de contatos examinados e com as inconsistências observadas entre os registros em prontuários e sistema de informação.

More information

Type
Journal Article
Author
Machado LMG
de Oliveira Lima NR
Espinosa OA
Ignotti E
Year of Publication
2020
Journal
Revista Ciência e Estudos Acadêmicos de Medicina
Volume
12
Language
por
Publication Language
por